Estações de tratamento de efluentes

Rate this post

Estações de tratamento de efluentes

O funcionamento de uma das diversas estações de tratamento de efluentes devem compreender de forma básica algumas etapas determinadas, como por exemplo um pré tratamento onde temos um gradeamento e desarenação, os tratamentos de ordem primário, tratamentos secundários, tratamento de iodo e ainda o tratamento terciário.
Como é feito o processo de tratamento militar das estações de tratamento de efluentes.

Este processo é devidamente constituído de forma única por vários processos físicos. E nesta etapa ainda é feita uma remoção de materiais em suspensões determinadas, através das utilizações das grelhas e dos crivos grossos, com isto temos a separação da água residual destas areias a partir de uma utilização de canais de areia e a desarenação.

Como ocorre o gradeamento nas estações de tratamento de efluentes?

Esta é uma etapa que acontece uma devida remoção de todos os sólidos grosseiros, onde os materiais de dimensões maiores do que o espaço entre as barras corretas é algo retido. Existem com isto as grades grosseiras, grades médias e grades finas, que tem como objetivos reter um material que seja sólido e grosseiro em suspensão dos efluentes.

As maiores finalidades de gradeamento podemos citar que são a proteção de dispositivos de transportes e efluentes, como por exemplo as bombas e as tubulações, a proteção de unidades de tratamento subsequentes e a proteção de todos os corpos receptores.

Como acontece o processo de desarenação?

Nas estações de tratamento de efluentes esta é uma etapa diferenciada que acontece a remoção da areia por sedimentação. Este é um tipo de mecanismo que acontece da seguinte forma, os grãos de areia, devido as suas maiores dimensões e densidades acabam indo para o fundo do tanque. Já a matéria orgânica por sua vez, acaba sendo de sedimentação muito mais lenta, e permanece sempre em suspensão, seguindo para as suas unidades seguintes.

Todas as finalidades básicas da remoção da areia são o fato de evitar a abrasão dos equipamentos e de tubulações, bem como eliminar ou reduzir as possibilidades de obstruir em tubulações, os tanques, orifícios e ainda facilitar o transporte dos líquidos, principalmente as transferências de lodo existente em suas várias fases do processo.

Related Posts

Reuso da água na indústria

Facebook Twitter Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr WhatsApp Rate this post Reuso da água na indústria Em…

ETE residencial compacta

Facebook Twitter Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr WhatsApp Rate this post ETE residencial compacta Grandes empresas no…

Escreva um comentário