Tratamento biológico de efluentes

Rate this post

Tratamento biológico de efluentes

O tratamento biológico de efluentes é um procedimento realizado para tratar a água vinda de esgotos para que a mesma possa ser utilizada para reuso, especificamente sem a emissão de aerossóis, o que permite colaborar ainda mais para o meio ambiente, visando o bem-estar da população.

Quais as etapas do tratamento biológico de efluentes?

O tratamento biológico de efluentes possui algumas etapas específicas e tanques que são utilizados para o procedimento. Confira, abaixo, quais são elas.

– Gradeamento: A primeira etapa do tratamento biológico de efluentes é a trajetória da água por grades, conhecida como gradeamento, permitindo que resíduos de diversos tamanhos possam ser barrados, assim como papéis, madeiras, dentre outros.

– Elevatória: O equipamento trata-se de um tanque que contém bombas e válvulas que possibilitam que as diferenças de topografia do terreno sejam niveladas.

– Caixa de areia: A caixa de areia faz parte da terceira etapa do tratamento biológico de efluentes, permitindo retirar os resíduos menores que passaram pela primeira etapa, de gradeamento, bombeando a água em baixo fluxo para que as partículas localizem-se ao fundo.

– Lagoas aeradas: Esta é a etapa mais delicada do tratamento biológico de efluentes, pois nas lagoas aeradas há o sopro de ar pelos difusores, necessitando manter o mesmo nível de oxigênio para permitir que haja a resistência de bactérias e microrganismos para dissolver a matéria orgânica poluente.

– Lagoas de decantação: As bactérias e microrganismos formam pequenos flocos que caminham para as lagoas de decantação para detenção dos mesmos.

– Dragagem: Há a dragagem das lagoas de decantação para que não haja o acúmulo de lodo, o que pode dificultar o processo de tratamento biológico de efluentes.

– Secagem e tratamento do lodo: Com o lodo dragado, como na etapa anterior, o mesmo será apresentado em sua forma líquida, com aproximadamente 3% de sólidos, permitindo que, na secagem e tratamento do lodo, o mesmo forme flocos ainda maiores e mais firmes, permitindo que estes sejam separados do líquido formado.

– Compostagem: O lodo, resultado das etapas anteriores, possui diversas matérias orgânicas como macronutrientes e micronutrientes, permitindo que o mesmo seja utilizado para diversos processos como para a agricultura.

Related Posts

Tratamento preliminar do esgoto

Facebook Twitter Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr WhatsApp 5 (100%) 1 vote Tratamento preliminar do esgoto O…

Tratamento de esgoto sanitário

Facebook Twitter Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr WhatsApp Rate this post Tratamento de esgoto sanitário Toda a…

Tratamento de esgoto residencial

Facebook Twitter Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr WhatsApp Rate this post Tratamento de esgoto residencial Saiba que…

Escreva um comentário