Tratamento de efluente industrial

Rate this post

Tratamento de efluente industrial

Saiba logo em seguida sobre todos os parâmetros indicados e utilizados para um dimensionamento e controle da poluição por efluentes industriais e como deve ser feito o tratamento de efluente industrial.

Depois de uma utilização de águas pela indústria, existem vários resíduos ou energias que são incorporadas alterando assim as suas características físicas, bem como químicas, e sensoriais, desta forma é possível gerar os efluentes líquidos.

Para que se possa ter uma boa avaliação de carga poluidora dos efluentes naturais e esgotos sanitários são necessárias algumas medições de vazão in loco e a coleta de amostras para uma análise precisa de várias situações sanitárias, o que representam as cargas orgânicas, tóxicas, entre outras, e a partir disto ser executado o tratamento de efluente industrial.

Além de toda a utilização industrial da água, esta ainda é utilizada para finalidades sanitárias, sendo gerados os esgotos que na maioria das vezes são tratados de forma interna pela indústria, separados em tratamentos específicos ou ainda tratados até mesmo de forma conjunta em etapas biológicas de tratamento de efluente industrial. Os principais constituintes orgânicos eliminados na água industrial são as proteínas, os açúcares, os óleos e as gorduras, bem como microorganismos, sais orgânicos e componentes de produtos saneantes também.

Dentre os principais componentes inorgânicos resultantes do tratamento de efluente industrial temos a formação de ânions, dentre eles os cloretos, sulfatos, nitratos, entre outros processos. Toda a característica dos efluentes industriais são inerentes a uma composição de matérias primas das águas de abastecimento e de processos de ordem industrial. Toda a concentração de poluentes em efluentes é a função de perdas no processo ou por um consumo de água.

Já o odor resultante do tratamento de efluente industrial ocorre devido a exalação das substâncias orgânicas ou inorgânicas devidas a reações de fermentação decorrentes de uma mistura com esgoto, ácidos voláteis e também gás sulfídrico. Além disto os aromas industriais, solventes, amônia e chorume também são resultantes deste processo.

Nas características físico químicas dos tratamentos sanitários que quantificam os sólidos, toda a matéria orgânica e alguns dos componentes orgânicos e inorgânicos podem fazer toda a diferença. A partir disto os componentes com pontos de ebulição superiores ao da água estão sempre caracterizados como sólidos.

Related Posts

Tratamento químico da água

Facebook Twitter Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr WhatsApp 3.7 (73.33%) 3 votes Tratamento químico da água Logo…

Estação de tratamento de água ETA

Facebook Twitter Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr WhatsApp Rate this post Estação de tratamento de água ETA Saiba…

Escreva um comentário